Viajando sozinha: primeiros passos

Viajar sozinha ou sozinho para muitos da até um frio na barriga. Mas a realidade não é tão assustadora quanto perece. Vou escrever uma séria de artigos com dicas do que você precisa para viajar sozinho e contar um pouco da minha experiência de mochileira pelo mundo.

Você se vê planejando sua viajem sozinho quando, você quer ir viajar, as vezes por muito tempo, e seus planos não coincidem com ninguém que você conhece. O que fazer nesse momento? Você pode deixar seus planos e sonhos de lado e continuar com sua vida, ou pode juntar toda a coragem que você tem e ir sozinho. Eu optei pela segunda opção.

A minha primeira viagem sozinha que fiz eu tinha 19 anos. Larguei a faculdade e tudo no Brasil para viajar. Fui para os Estados Unidos como Au Pair, não falava quase nada de inglês, mas precisava aprender, principalmente se eu quisesse viajar mais. Achei a melhor opção de aprender a língua no país que se falasse ela. Não foi fácil, tenho que adimitir, mas com certeza valeu a pena. Em três meses morando em Atlanta nos Estados Unidos já conseguia me comunicar bem em inglês e em um ano morando lá meu inglês escrito estava tão bom quanto o falado.

Quando se viaja sozinho o mais importante é não deixar o medo te parar de fazer as coisas que você quer. Nos Estados Unidos conheci muitas pessoas que moravam lá por anos e que não sabiam falar inglês e que só interagiam com pessoas do próprio país. Mas se você quer aprender a língua e a cultura do país é importante deixar os medos de lado e fazer o seu melhor para falar uma língua diferente, e não ter medo de errar. Erramos quando falamos português, e é a nossa língua materna, e com certeza aprender outras línguas é uma realizacão muito grande para qualquer um.

Uma dica muito importante é não ter vergonha de pedir ajuda para outras pessoas. Quando se viaja para outros países você vai conhecer muitos pessoas na mesma situação que você, longe de casa e tentado levar a vida em um país completamente diferente do seu sem ter a família e amigos por perto para ajudar. Isso é uma realidade principalmente em países como Estados Unidos, Canadá e países europeus onde a quantidade de imigração é alta. Então o melhor a fazer é fazer amigos.

Leia também  A parte mais difícil de viajar que ninguém te fala
Pôr do sol em Fiji
Pôr do sol em Fiji

Os seus novos amigos vão poder te ajudar com dicas do país, lugares para visitar, ajuda com a nova língua, e principalmente se você estiver planejando de morar no país como eu fiz os novos amigos vão ser de muito ajuda quando você precisar arranjar um emprego, arrumar moradia, ajudar com documentações necessárias (por exemplo carteira de motorista). Não se esqueça também que nas próximas comemorações festivas como Natal, Ano Novo, Páscoa, e Aniversário, vão ser seus amigos que vão estar ao seu lado. Os seus amigos no país novo vão ser a sua família.

O melhor de tudo de viajar sozinha é que você faz o seu roteiro de viagem. A decisão é sua sobre os planos, os roteiros, e tudo o que fizer na viagem. E o melhor, é que se você de ultima hora decidir mudar de ideia, ninguém vai te contradizer.

Conheci muitas pessoas viajando e muitas vezes eles me deram dicas de viagem que fizeram meus planos mudarem completamente. Há também momentos que fiz amizades viajando e resolvi continuar minha viagem com minha novas amigas, mas no momento em que os planos não são mais compatíveis é bom saber a hora de se despedir e continuar em caminhos diferentes.

Um ótimo jeito de viajar e conhecer outros viajantes e se hospedar em albergues. Albergues são muito populares nos Estados Unidos, Europa e Oceania, e o próprio albergue muitas vezes organiza eventos pra juntar o pessoal que está hospedado lá. Muitos albergues têm seu próprio bar o que é uma ótima oportunidade de fazer amizades.

Fique ligado no blog que vou dar muitas dicas de viagens. E comece a planejar a sua próxima viagem!

2 comentários em “Viajando sozinha: primeiros passos

  1. Olá Nathalia, gostei muito do seu blog, ainda não conhecia, procurando pela Internet achei o seu. Estou pretendo ir para a Austrália este ano, talvez em setembro ou outubro. Já não sou mais jovem, mas, sou apaixonada por viagens de aventura, amo loucamente a natureza. Gosto fazer trilha, mergulho com cilindro, etc. Se possível dê me algumas dicas lá da Austrália. Um abraço, obrigada pela atenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *