Porque Londres é a melhor e a pior cidade para se morar

Londres é uma das cidades mais badalados do mundo. Há pessoas de todos os lugares do mundo, de culturas e religiões diferentes e, principalmente, que aceita todas essas diferenças.

Você deve estar pensando que Londres é o melhor lugar para se morar. Claro que amo morar nessa cidade e toda vez que vou embora sinto muita saudades. Mas nem tudo é perfeito e existem muitas coisas aqui para não gostar. Uma delas é o clima, mas acho que essa você já sabia 🙂

Fiz uma seleção das melhores e piores coisas de morar em Londres. Confira:

  • Pior: o Clima é terrível

Se São Pedro mora em algum lugar é em cima de Londres. Parece ironia, mas enquanto estou escrevendo esse artigo está chovendo muito lá fora. Quando que não está chovendo? E não não chove faz frio, venta muito ou os dois juntos.

O clima é um grande problema para muitas pessoas que moram em Londres. O clima aqui virou até piada, pois é melhor rir do que chorar 😅

  • Melhor: às vezes faz calor e sol

Hyde ParkMas em tudo está perdido. De vez em quando o clima é maravilhoso nessa cidade. O sol brilha e faz um calorzinho e, quando isso acontece, vale a pena a espera. Os parques, pubs e todos os lugares ao ar livre ficam lotados de Londrinos aproveitando cada segundo do clima bom. Afinal não é todo dia né!?

  • Pior: é caro ter carro

Por mais que carros sejam relativamente baratos para comprar na Inglaterra, o governo não incentiva a compra de carros, pelo contrário. As taxas para ter carro são altíssimas, especialmente se quiser ter um carro que não é eco-friendly. Quanto mais o carro prejudicar a natureza, mais altas são as taxas.

Há os impostos comuns de carros, mais taxa para estacionar o carro na frente da sua casa (além de ter que pagar para estacionar na rua em outros lugares), mais taxa para circular no centro de Londres, mais seguro (no mínimo de terceiros), além da gasolina por litro ter um preço bem alto.

A maioria das pessoas usa somente seus carros durante o final de semana (quando não a taxa de circulação no centro de Londres e taxas para estacionar) e para viajar.

  • Melhor: o transporte público é excelente

metro londresO carro também não é necessário, pois o transporte público é muito eficiente e bem conectado. A maior parte dos pontos da cidade é interligada por pelo menos uma linha de metro e algumas também trem. Perto da minha casa há duas estações de metro e uma de trem, além de ter um ótimo serviço de ônibus.

Além de um ótimo serviço na cidade de Londres, há várias linhas de trem por toda a Inglaterra, Escócia e Países de Gales. Uma viagem de trem entre Londres e Edimburgo demora somente 4 horas e 20 minutos, é até mais rápido do que ir de avião (contando o tempo para chegar ao aeroporto, fazer check-in, embarcar e o tempo de voo). Então se estiver passeando em Londres saiba que poderá conhecer várias cidades na Inglaterra ou até na Escócia facilmente. Se quiser algumas idéias de lugares para visitar clique aqui.

  • Pior: bares e pubs fecham cedo

Isso é uma coisa que eu demorei muito para me acostumar aqui em Londres. Aqui se você sair muito tarde de casa, não vai aproveitar muito da noite. Geralmente os londrinos se encontrar para sair e beber por volta das 8pm, no mais tardar 9pm, pois durante a semana a maioria dos pubs fecham às 11pm e no final de semana às 12.30am. Existem alguns bares que ficam abertos até as 2-3 da manhã, mas é sempre bom checar antes.

Leia também  Guia prático de Barcelona

Algumas baladas ficam abertas até 4-5 da manhã, mas são poucas e a maioria das pessoas já estão indo embora às 3am. Acho que os londrinos se acostumaram tanto a sair mais cedo que acabam indo embora mais cedo de qualquer forma.

  • Melhor: existem lojas, restaurantes, bares e mercados de vários lugares do mundo
Covent Garden
Covent Garden

Por mais que tudo feche cedo, em Londres temos o benefício de termos lojas, restaurantes, bares e mercados de muitos países do mundo. A imigração nessa cidade é muito alta e muitos dos imigrantes abrem negócios autênticos dos países deles de origem. Então posso almoçar em um restaurante espanhol, ir a um café francês, jantar em um restaurante indiano e terminar a noite em um café/bar marroquino. Legal né?

Acho que o que mais gosto de morar em Londres é a diversidade cultural. Todas as culturas, nacionalidades e religiões são bem recebidos aqui.

  • Pior: tudo é caro

Isso é uma reclamação de todos nessa cidade. Londres é caro!

Aluguel custa uma fortuna por um espaço muito pequeno e para comprar um imóvel nem se fala. Em muitos bairros de Londres uma casa de três quartos custa o mesmo preço que uma ilha em um país em desenvolvimento. Acho que deu para entender o quão caro é.

Além disso, um copo de cerveja de 500ml custa entre 4 e 5 libras, um passe de transporte por 7 dias para zona 1 e 2 custa 32 libras e um cappuccino 3 libras. Acho melhor nem começar a converter a moeda se não dá até desespero. É caro morar e passear aqui.

  • Melhor: mas cultura é barato
Museu Britânico
Museu Britânico

Nem tudo está perdido. Pelo menos a maioria dos museus de Londres a entrada é gratuita. Yeah!

Um dos museus com uma dos maiores acervos, o British Museum, é de graça a entrada. Poderá ver múmias do Egito, artefatos incas e maias, porcelana chinesa e muitas outras peças históricas sem pagar nada. Além disso, o National History Museum, Science Museum, Victoria and Albert Museum, National Gallery, entre outros, tem a entrada franca.

Além de museus, muitas peças de teatro, balés, musicais e óperas têm um número limitado de ingressos bem baratos e muitos oferecem os ingressos que não foram vendidos no dia da atuação por um preço promocional. Já assisti balé no London Coliseum por 14 libras, ópera na Royal Opera House por 10 libras, orquestra no South Bank Centre por 7 libras e peças de teatro por 15 libras. No National Theatre há um número limitado de ingressos por 15 libras para todas as peças. Se você curte museus e teatros, essa é uma ótima cidade para isso.

Por mais que tenha seus pontos negativos, amo essa cidade!

E você o que mais gosta ou não gosta em Londres? Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *