Australia: Great Ocean Road

Cheguei na Austrália há duas semanas atrás e desde então já fui para Sydney para participar do Mardi Gras, fui a muitas praias, visitei o interior de Melbourne, vi cangurus e muitos outros animais selvagens australianos, arrumei um emprego, acampei e visitei a Great Ocean Road. Ainda ficarei trabalhando e visitando a área de Melbourne até a Páscoa e logo depois começo a dirigir até Sydney, onde ficarei umas duas semanas (provavelmente) antes de continuar viagem em direção a Queensland.

The Grotto
The Grotto

A Great Ocean Road é um dos pontos turísticos mais conhecidos do sul da Austrália. Para quem vem para Melbourne vale a pena alugar um carro ou camper van para conhecer as praias e formações rochosas desse lugar. De Melbourne até o começo da Great Ocean Road, que fica em Torquay, são mais ou menos uma hora de carro (a Austrália é enorme e tudo é longe). Eu dirigi direto até o “Grotto” e voltei através da Great Ocean Road parando em vários pontos turísticos. A estrada inteira tem 243 Km, o que dá para fazer em 1 dia parando bem rapidinho só nos pontos principais, mas se você quiser conhecer um pouco mais das cidades praianas, cachoeiras, formações rochosas e parques nacionais, terá que fazer em no mínimo três dias. Eu fiz em três dias e não fui até o final da Great Ocean Road (faltaram uns 40 Km que não achei que valiam a pena) e só conheci alguns pontos turísticos.

Praia de Torquay
Praia de Torquay

Havia visitado em um dia as praias Torquay, Bells e Anglesea que ficam no começo da Great Ocean Road. Todas essas praias são lindas e tem uma área para surf e outra para tomar banho de mar. São todas cidadezinhas pequenas e praianas, mas com seu charme. Durante a semana as praias são bem vazias e há vários alunos de escolas fazendo aula de surfe (surfe faz parte do currículo escolar aqui, legal né?). No final de março acontece na Bells Beach o campeonato de surfe da Rip Curl. Estou planejando de ir um dia antes de partir para Sydney, então fiquem ligados na página do Facebook e no Snapchat (vsemfronteira) para atualizações diárias.

A maioria das praias aqui na Austrália tem banheiros, chuveiros, bebedouro e áreas para piquenique com churrasqueiras. Como só há restaurantes nas cidades, muitas pessoas levam sua própria comida para praia, o que já economiza bastante. As praias são bem limpas e o mar azulzinho e há surfistas por toda parte (bem típico australiano né?).

Na cidade de Anglesea há um farol que ficou bem famoso, pois foi cenário de um programa de televisão para crianças. Aparentemente todo mundo na Austrália e Reino Unido conhece o programa “Round the Twist, mas como cresci no Brasil nunca havia ouvido falar. O farol chama Split Point e logo abaixo há uma praia bem charmosa chamada Mouth Beach, que na minha opinião vale muito a pena conhecer.

London Bridge
London Bridge

Em um outro dia resolvi ir mais longe, até o “Grotto” na Great Ocean Road e acampar em um lugar por lá para poder continuar viagem no dia seguinte. Estou somente fazendo viagens de um ou dois dias ao redor de Melbourne, pois estou trabalhando, então qualquer dia de folga é dia de praia :). Um detalhe, nunca havia acampado na vida, somente em festivais na Inglaterra, então como decidi fazer uma viagem de 4 meses pela Austrália que envolve acampar pelo menos metade da viagem, acampei por somente um dia como teste. Outro detalhe, estou fazendo essa viagem pela Austrália com uma amiga, ela já havia acampado algumas vezes, mas nunca feito uma viagem por tanto tempo. Tenho certeza que até o final da viagem estaremos experiente nesse negócio de acampar e viver como hippies 😛

Na maior parte da Great Ocean Road existem pontos para visitar e tirar fotos. Todos eles são razoavelmente próximos um dos outros. Verifique quais você gostaria de visitar, pois se for para em todos irá demorar uma semana para dirigir 243 km. Eu parei somente em alguns, o “Grotto” (que para mim é o meu favorito), “London Bridge”, “Loch and Gorge” (existem várias coisas para se ver nessa parada) e “12 Apostles”. Havia saído de casa já no meio da tarde e tivemos que dar uma acelerada no passeio para chegar a tempo para ver o pôr do sol no “12 Apostles”, que é o ponto mais famoso na Great Ocean Road.

Leia também  Pelas ilhas paradisíacas de Fiji
12 Apostles
12 Apostles

Quando saímos do “12 Apostles” já havia quase escurecido por completo, então o jeito foi achar um lugar para acampar. Claro que fui super desorganizada e não planejei onde iria acampar. Ainda bem que a Austrália e super organizada e tem placas sinalizando os locais de acampamento em todo lugar.

Em somente 5 minutos saindo dos “12 apostles” achamos uma placa sinalizando a direção do acampamento. Ainda por coincidência, na nossa frente havia uma camper van toda grafitada que muitos mochileiros alugam. Então foi só seguir essa camper van para achar o local do acampamento. O local chama Princetown Recreation and Reserve Camping e custou 20 dólares australianos por uma noite para duas pessoas. No local havia chuveiros, banheiros, área de piquenique com churrasqueira e até um playground.

Assim que chegamos já fizemos amizade com as duas garotas mexicanas da campervan, acampamos ao lado delas e ficamos bebendo todas juntas até tarde da noite. Uma das coisas que adoro quando viajo é conhecer pessoas e dividir histórias e momentos. Muitas vezes nunca verei novamente os amigos que fiz, mas eles sempre estarão na minha memória e acho que é isso que faz a viagem mais especial.

céu estreladoAlém disso, o céu estava super estrelado e haviam cangurus por toda a parte. Uma das coisas que queria fazer quando cheguei na Austrália era ver cangurus e naquela noite foram muitos, bem pertinho, somente a alguns passos da minha tenda. Com certeza a primeira noite de acampamento foi um sucesso e se as próximas noites acampando forem assim, a viagem será tudo de bom :). A única coisa que vou precisar no futuro é um colchão inflável. Dormir no chão em saco de dormir por um dia, beleza, mas por vários dias, não vai rolar!

No dia seguinte colocamos tudo no carro e partimos para Apollo Bay. Simplesmente adoro praia e qualquer oportunidade que tiver, estarei em uma praia. Além disso, é uma ótima oportunidade para relaxar e tirar uma soneca. Também experimentei pela primeira vez o Fish and Chips Australiano. Essa comida é bem típica britânica, mas aqui o peixe que eles usam é tubarão. Chama flake é o tipo de Fish and Chips mais popular. Como adoro peixe, achei bem gostoso e com certeza não poderia visitar a Austrália sem experimentar tubarão.

Depois de dar uma relaxada na praia, partimos para Erskine Falls, que é uma cachoeira no topo de uma montanha no parque nacional Great Otway próximo a cidade de Lorne. No caminho há vários lugares para tirar fotos e observar o mar. Um lugar que achei super legal foi uma praia em Carisbrook Creek perto de Apollo Bay, onde visitantes colocaram várias pedras uma em cima da outra formando uma escultura na praia (veja foto).

carisbrook creekErskine Falls fica a 300 metros do nível do mar. Você pode estacionar seu carro no topo e descer para ver mais de perto a cachoeira. Também é possível fazer uma trilha pelo rio e descer até a praia de Lorne. Se estiver afim de fazer a trilha, são mais ou menos três horas até a praia. Como só é possível descer a trilha, terá que deixar o carro na praia e arrumar uma carona até o topo da cachoeira.

A praia de Lorne é bem tranquila, com vários restaurantes e lojas na rua da praia. Recomendo jantar no Chopstix, que um restaurante bem praiano de comida asiática. Também não deixe de experimentar os coquetéis. Os meus favoritos são a margarita e o mojito.

Lorne é um lugar legal para passar a noite, há vários acampamentos, pousadas e hotéis. Infelizmente tive que voltar para trabalhar no dia seguinte, mas a viagem com certeza valeu a pena.

Fiquem ligados no blog, Facebook e Instagram para mais atualizações da minha viagem.

Gostou do texto? Tem alguma dúvida ou sugestão? Deixe seu comentário

 

 

 

4 comentários em “Australia: Great Ocean Road

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.