Arte de rua em Berlim

Berlim foi uma cidade que assim que cheguei me senti em casa. As pessoas e os lugares são muito descontraídos e até me lembrou um pouco da cidade de São Paulo no Brasil (só que bem mais organizada). A cidade se divide em o novo e o antigo e a arte segue nesse mesmo ritmo.

art2

Essa mão foi a primeira arte que vi quando cheguei, um grafite gigante em um prédio de três andares próximo ao Airbnb onde fiquei hospedada (leiam a matéria sobre o Airbnb na seção dicas). Desde o começo sabia que estava no lugar certo. Uma cidade cheia de história para contar, expressada em arte de rua.

O legal de Berlim é que a arte é incorporada na cidade. Em todos os bares, baladas e até em alguns restaurantes que fui tinham grafites em todas as paredes e em todos os banheiros. Os desenhos viraram partes da decoração dos lugares. Além de que, as baladas não são o que você talvez imagine. As mais famosas ficam em fábricas ou galpões desativados, com diversos ambientes, fogueiras feitas em latões, e abrem sexta-feira e só fecham na segunda de manhã. Berlim é realmente uma cidade de pessoas de cabeça aberta.

Abaixo coloquei algumas fotos de arte da galeria leste do muro de Berlin.

art6 art8 art7 art5

art1 art9

Curtiu as fotos? Compartilhe nas redes sociais

Leia também  Tailândia: O que precisa saber antes de planejar sua viagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *